Dupla de assaltantes morre em intervenção Policial

Dupla de assaltantes morre em intervenção Policial
julho 02 19:58 2018

Dois jovens identificados por Paulo Henrique Vargas Gaia, 18 anos de idade e seu comparsa Vinicius Costa de Sousa, 19, foram mortos pela policial militar quando realizavam um arrastão nas ruas da cidade.
O caso aconteceu por volta das 07h00, da manhã de domingo 01/07, na rua Cláudio Coutinho, entre Sol Poente e Marabá, bairro da Paz, Parauapebas.

Minutos antes do ocorrido a dupla havia assaltado duas mulheres funcionárias de uma lanchonete próximo onde houve o ocorrido. Em ato continuo ainda segundo a pilicia a dupla fez mais uma mulheres e um homem de vítimas. Entretanto antes de deixar o local os bandidos que estavam armados de um revólver calibre 38 e o tambor da arma cheio de balas e um simulacro tipo pistola 380, ameaçavam atirar nas vítimas caso elas não entregassem seus pertences. Porém enquanto os ladrões mantinham as vítimas sobre a mira da arma a polícia os surpreendera. De acordo com o cabo PM Lobo, sua GU estava nas imediações quando avistou a situação e ao se aproximar do local foram recebidos a tiros. “Eles efetuaram quatro disparos em nossa direção e nos revidamos a injusta agressão. Eles não quizetam vir em pé e sim deitados. Logo que a notícia se espalhou 12 vítima chegaram no local e na delegacia” ressaltou o PM, acrescentando que a suspeita de que essa mesma dupla tenha sido os autores do latrocínio ocorrido no bairro Morada Nova,

Na delegacia as vítimas reconheceram através de fotografias os dois Vinicius e Paulo como sendo os autores dos assaltos que sofreram das 12 pessoas 4 foram assaltadas ontem sábado. Além das armas e dos celulares recuperados pela polícia também foi apresentada na 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil de Parauapebas para o delegado plantonista Fernando Oliveira, a moto Honda CG 150, FAN, preta, placa NSX- 8070 Parauapebas-PA.
Uma das vítimas contou para reportagem que meia hora antes teria sido assaltada pela dupla e para tomar o celular dela a dupla a derrubou da moto e apontando a arma para ela ainda tentou levar a moto Biz não sendo possível por que na queda a Biz não quis pegar, “Eles bateram com a moto deles na minha e me derrubaram. Na queda machoquei os meus joelhos”, contou a vítima.
Acionados para procedimentos legais, Polícia Civil e uma equipe do IML estiveram no local e após os levantamentos de praxe os corpos foram removido e encaminhados ao Centro de Perícia Científica Renato Chaves de Parauapebas. Além das vítimas que foram conduzidas para delegacia a polícia apresentou as duas armas, 9 aparelhos celulares e 507 reais em espécie.

(Caetano Silva)

  Categories: