Equipe azulina conta com apoio da torcida para ajudar na classificação à final do Estadual

Equipe azulina conta com apoio da torcida para ajudar na classificação à final do Estadual
abril 06 15:12 2019

Amanhã tarde, o Clube do Remo tentará viabilizar um dos seus objetivos nesse começo de temporada, que é chegar à grande decisão do Campeonato Paraense, para que, posteriormente, possa defender o seu título, uma vez que é o atual campeão do certame.

Por isso, o grupo de jogadores e comissão técnica espera mais uma vez realizar o combinado na última semana, em termos de estratégias, para voltar a vencer o Bragantino, no Mangueirão.

Confiantes, os azulinos reiteraram que o duelo tem tudo para ser o mais difícil até aqui do ano, desse modo, convocaram o Fenômeno Azul para ser o braço direito ao longo dos 90 minutos finais do confronto, para empurrar o time em campo e apoiar nesse momento de evolução apresentado pelo time.

A chamada dos atletas, além de importante pela união nessa reta final, se deve pelos números baixos da torcida nas arquibancadas, nas partidas recentes do Leão como mandante. Diante do Paragominas, Paysandu e Independente, pouco mais de 22 mil presentes estiveram no Olímpico do Pará, na somatória das três partidas.

Somente o jogo de estreia, frente ao Tapajós, arrastou quase 20 mil azulinos para as bancadas da praça esportiva. Obviamente que o motivo pelo declínio nos números está ligado à oscilação nos gramados. Embora haja uma evolução, ainda existe desconfiança do torcedor.

E no que depender do atacante Gustavo Ramos, o duelo diante do Tubarão será a brecha necessária para atrair o público a favor do grupo. “A gente pede que a torcida compareça em peso, do jeito que a gente sabe como aquele Mangueirão fica com eles, para fazer uma festa bonita e que nos ajude a garantir essa classificação. O time está crescendo, todos estão vendo. Em casa a gente vai fazer de tudo, lutar, para que possamos fazer uma grande festa juntos”, planejou.

INGRESSOS 

Até ontem, cerca de 11 mil ingressos haviam sido comercializados antecipadamente para o jogo da volta do mata-mata. Vale lembrar que 1/3 do valor líquido arrecadado será revestido para as obras do Baenão. “Esperamos que o torcedor compareça, porque sem dúvidas eles são tão importantes quanto um jogador para nós”, disse o treinador Márcio Fernandes.

  Categories: