ESTADOS UNIDOS : Professor arranca tranças de aluna durante ‘castigo’

ESTADOS UNIDOS : Professor arranca tranças de aluna durante ‘castigo’
fevereiro 26 11:25 2019

Uma professor está sendo acusado por supostamente atacar uma menina de 11 anos, arrancando três tranças do cabelo dela durante uma espécie de “castigo” capturado pelas câmeras escolares. Ele está de licença durante investigações policiais.

A mãe, Mikiea Price, apresentou a denúncia na polícia da cidade Wisconsin (EUA), depois de ouvir de sua filha, uma aluna da Whitehorse Middle School, sobre o incidente que ocorreu em 13 de fevereiro. Ela estava “chorando e seu lábio estava rachado e sangrando, e ela me entregou três de suas tranças que foram arrancadas de seu couro cabeludo pelo professor”, disse Price a um canal de televisão local.

O professor Rob Mueller-Owens agrediu a aluna e arrancou suas tranças (Reprodução)

O motivo pelo “castigo” é ainda mais revoltante. “Disseram-me que a menina e sua amiga haviam borrifado perfume no banheiro e o cheiro incomodava as alergias do professor”, disse Allen, diretor geral da instituição, ao Yahoo Lifestyle. “O professor perguntou quem havia borrifado e a turma não respondeu, então ele pediu para revistar a menina e começou a acusa-la.

O diretor Allen, que já verificou todas as imagens, disse que a estudante admitiu que usou o spray e foi convidada pelo professor a entrar no corredor.

Allen assistiu pessoalmente ao vídeo da escola e disse ao Yahoo Lifestyle que o administrador forçou a garota a sair da sala de aula e em seguida a encostou em uma fileira de armários, depois perdeu o equilíbrio e caiu em cima dela.

“Ele ficou em cima dela por 10 ou 15 segundos”, Allen diz ao Yahoo Lifestyle.

“Eu não sei como as tranças da garota foram retiradas, mas ela tem duas carecas na cabeça”, disse ele ao Yahoo Lifestyle.

A mãe contratou um advogado para lidar com o caso e pouco tem falado sobre ao assunto. Price disse à WISC-TV : “Toda a experiência é traumática, devastadora e confusa. Estou com nojo de todo esse incidente. Você manda seu filho para a escola para aprender, e esse é um lugar onde as mães mandam os filhos para ficarem confortáveis. Eu me sinto violada de muitas maneiras que … me pergunto porque isso acontece”, desabafou a mãe.

(Com informações do The Mirror)

  Categories: