Êxito: Operação “Tolerância zero”conta com reforço de novos soldados PMPA

Êxito: Operação “Tolerância zero”conta com reforço de novos soldados PMPA
julho 14 22:00 2018

Com a formação de 86 soldados no 23º Batalhão de Polícia Militar de Parauapebas, na noite da última sexta-feira, (13) os soldados já foram pra rua reforçar as guarnições tendo grande êxito. Sob o comando dos comandantes do batalhão, Major Wilson e Emmet, foi realizado a operação “tolerância zero”, em parceria com DMTT, Guarda Municipal, Semma e Corpo de Bombeiros.

As guarnições com a chegada do reforço de novos soldados já teve como resultado positivo com apresentações na 20ª Seccional Regional de Polícia civil de Parauapebas, de 84 pessoas para averiguações de supostas infrações do código penal, 25 infrações de trânsito, 10 motocicletas apreendidas, 17 estabelecimentos noturnos, fechados por falta de documentação para funcionamento. De acordo com o subcomandante Major Emmet a Operação “Tolerância zero”, iniciou ontem e deverá seguir até o final de mês de julho. “Parauapebas ganha novo reforço com 86 novos soldados, que já chegam combatendo a criminalidade e podem ter certeza que se já não dávamos trégua pra bandidagem, agora a sociedade contará com mais combatentes. Que irão sair de suas casas com a certeza de que estão nas ruas para defender a sociedade, onde o único objetivo é reduzir essas ações criminosas colocando os mesmos nos seus devidos lugares, ou seja, cometeu delito? Fomos acionados? Estaremos prontos para prender e apresentar na delegacia, onde irão receber os rigores da lei”, afirma Major Wilson.

O comandante ainda ressalta que a ordem e a segurança da comunidade é o único objetivo de todos. “Contamos com a parceria da comunidade para denunciar, ligar e informar a Polícia e assim fazermos a ordem e a pez permanecer. Asseguramos que sua identidade é mantida em sigilo e segurança, ligue e denuncie”, finaliza Major Wilson.

Em entrevista a um dos novos combatentes, o SD/PMPA, Alequesandro dos Santos, foi bem afirmativo no dever de defender a sociedade para manter a paz e ordem dos munícipes, quando a equipe de reportagem questionou sobre o primeiro dia de serviço dos formandos. “Estamos aqui para cumprir-se a lei, fomos preparados, capacitados e qualificados, e a partir de hoje não iremos deixar a bandidagem ter sossego. A proteção e ordem na comunidade será nossa maior missão e não vamos descansar para que os infratores recebam os rigores da lei”, enfatiza o novo praça.

A operação continua e o 23º Batalhão agora com mais 86 homens nas ruas para somar com as guarnições já existentes.

Da redação: Acontece Pará

  Categories: