Mais de 6 mil jovens aprendizes em oito meses no Pará

Mais de 6 mil jovens aprendizes em oito meses no Pará
outubro 19 17:46 2018

O Pará já contratou mais de 6 mil jovens aprendizes nos últimos oito meses de 2018. O estudo realizado pelo Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos) foi divulgado nesta sexta-feira (19) e faz parte do projeto Observatório do Trabalho do Estado do Pará.

É interessante pontuar que, ao comparar o mesmo período do ano passado e considerando apenas a região Norte, a quantidade de contratados cresceu 7,07% no estado do Pará.

Quantidade de contratados no estado do Pará cresceu 7,07% em relação ao mesmo período do ano passado (Foto: Marco Santos/USP/Fotos Públicas)

O número de jovens que entraram no mercado formal de trabalho alcançou 6.177 pessoas. Desse total, a maioria era do sexo masculino, representando 3.465 pessoas (56,10%), e 2.712 do sexo feminino (43,90%).

SETOR COMÉRCIO É O QUE MAIS CONTRATA

O balanço mostra também os setores de atuação onde os jovens aprendizes do estado do Pará ingressaram em peso. Veja abaixo:

  • Setor Comércio – 2.208 pessoas
  • Setor Serviço – 1.627 pessoas
  • Setor da Indústria de Transformação – 933 pessoas
  • Setor da Agropecuária – 566 pessoas
  • Setor da Construção Civil – 489 pessoas
  • Setor Extrativo Mineral – 262 pessoas
  • Setor Serviço Indústria e Utilidade Pública – 90 pessoas
  • Setor da Administração Pública – 3 pessoas

PARÁ LIDERA CONTRATAÇÕES

A análise expõe ainda a distribuição dos jovens aprendizes a nível regional. No referido período do estudo, o Pará lidera com o número de contratados (6.177 pessoas), seguido do Amazonas (3.694), Rondônia (1.878), Tocantins (1.136), Roraima (613), Acre (436) e o Amapá (416). Veja a tabela abaixo:

  Categories: