No Paysandu, tem gente devendo no ataque

No Paysandu, tem gente devendo no ataque
março 08 12:41 2019

A sequência do Parazão 2019 representa um desafio para alguns dos atacantes do Paysandu. Até aqui, a equipe bicolor, que lidera o campeonato com 14 pontos, marcou um total de onze gols, mas, destes, apenas cinco foram feitos por jogadores de ataque. Os demais foram marcados por atletas da defesa e do meio de campo do time. Ainda estão sem balançar a rede os jogadores Vinícius Leite, Elielton, Felipe de Jesus, Paulo Henrique e João Leonardo, que ainda aguarda por sua estreia com a camisa bicolor. Os demais já estiveram em campo, mas passaram em branco nas partidas que fizeram.

A artilharia bicolor tem como principais protagonistas os atacantes Nicolas e Paulo Rangel, com dois gols cada um. O outro atacante que também balançou a rede foi o maranhense Caion, autor de um gol, mas que já deixou a Curuzu, que aceitou uma proposta do futebol do exterior. Fora do ataque, os artilheiros do Papão são os meio-campistas Alan Calberque e Marcos Antônio, com dois gols cada, e o lateral-direito Bruno Oliveira, autor de um gol de falta na goleada por 4 a 1 no jogo de ida, contra o São Francisco, adversário bicolor de domingo.

 Como atacante, todo mundo sabe, sobrevive de gol, os jogadores que ainda não conseguiram cumprir com suas obrigações em campo não escondem a ansiedade de acabar com o jejum o quanto antes. “Venho dando passes, mas quero fazer gol também, comemorar com a torcida. Não vejo a hora desse gol sair”, admite Vinícius Leite, que fez até aqui um total de cinco jogos com a camisa alviazul. Outro que também está ávido por deixar a sua marca é o paraense Elielton, com quatro atuações pela equipe.

“O gol é um momento especial para qualquer jogador”, ressalta o atacante. “Se sair nesse final de semana eu, com toda a certeza, vou comemorar. Tenho um grande respeito pelo são Francisco, mas será um momento muito importante pra mim”, alega o atacante, que é natural da cidade de Monte Alegre e começou a carreira atuando justamente pelo São Francisco, em 2012. Elielton ainda confia em sua escalação no ataque bicolor, embora a tendência seja de que o setor seja formado por Nicolas, Paulo Rangel e Vinícius Leite. A ponta da tabela de goleadores do campeonato é hoje ocupada por Willian Fazendinha (Independente) e Michel (Paragominas), com quatro gols.

  Categories: