Parauapebas: Acusado de matar mototaxista que foi arrastado e queimado é preso

Parauapebas: Acusado de matar mototaxista que foi arrastado e queimado é preso
março 07 13:30 2019

Um homem identificado como Danilo Saldanha Soares foi preso nesta quarta-feira (6), durante a operação “Fechando o Cerco”, em Tucumã, sudeste paraense.

Policiais Civis da Delegacia de Polícia de Tucumã, prenderam Danilo, que estava foragido e era apontado como membro de uma facção criminosa, autor da morte de um mototaxista em Parauapebas, e responsável por roubos nas cidades de Tucumã e Ourilândia do Norte.

“Inclusive, é um dos autores do assalto a um Posto de Combustível ocorrido no mês de fevereiro no município de Tucumã”, informou o delegado Raphael Machado, titular de Tucumã.

O acusado foi indiciado pela Polícia Civil, em Parauapebas, por ter matado o motorista Maurivan Coimbra de Sousa, 38 anos de idade, natural de Riachão (MA), no dia 3 de fevereiro deste ano.

Após ser morto, a vítima teve o corpo arrastado por cerca de 500 metros, até queimar junto com a moto que pilotava. O caso aconteceu na área de loteamento denominado “Vale das Águas” também conhecido Modão Chácaras”, que fica às margens da PA 275, sentido Curionópolis, a dezessete quilômetros de Parauapebas.

O crime teria acontecido após uma discussão em um bar entre Danilo e Maurivan. A vítima teria jogado uma lata de cerveja no rosto do acusado. Ele foi amarrado e arrastado na própria moto.

  Categories: