Polícias Civil e Militar prendem envolvidos em crimes em três municípios do nordeste paraense

Polícias Civil e Militar prendem envolvidos em crimes em três municípios do nordeste paraense
janeiro 19 17:54 2018

As Polícias Civil e Militar deflagraram, nesta sexta-feira, 12, operações integradas para prender pessoas envolvidas em crimes, nos municípios de Igarapé-Açu, Maracanã e Magalhães Barata, no nordeste do Pará. Ao todo, 11 pessoas foram presas em flagrante, a maioria delas por tráfico de drogas, e por outros crimes como furto, receptação, porte ilegal de arma e dirigir sob efeito de bebida alcoólica. A maior parte das prisões ocorreu em Igarapé-Açu, onde nove pessoas foram presas. Em Magalhães Barata, foi presa Maria Ivanilda Costa de Lima, 40 anos, considerada a mais conhecida traficante de drogas do município.

Os três municípios estão situados na mesma região (região do Guamá) e fazem fronteira separados por rodovias estaduais. Segundo o delegado Augusto Damasceno, em Magalhães Barata, policiais militares e civis desencadearam uma série de ações para inibir a prática de crimes. Em decorrência, Maria Ivanilda foi presa em flagrante por tráfico de drogas, na localidade de Vila do Cafezal. Com ela, foi apreendida droga do tipo cocaína e muito dinheiro proveniente da venda da droga. Ao todo, cerca de R$ 4 mil. Maria foi transferido para o Centro de Recuperação Feminino, onde ficará à disposição da Justiça.

No vizinho município de Maracanã, foi preso Davi Corrêa, conhecido como Davi Ura, acusado de envolvimento em vários crimes. No momento em que foi preso, ele foi flagrado com drogas e, assim, enquadrado pelo crime na Delegacia local. Em Igarapé-Açu, os policiais realizaram o maior número de prisões. Ao todo, nove presos. Um deles é Robson Saldanha dos Santos que foi flagrado com uma arma de fogo e grande quantidade de drogas. Ele, destaca o delegado, já era conhecido como pessoa perigosa na localidade de Vila do Cupuaçu, zona rural de Igarapé-Açu. Em outra ação policial, foi preso, na localidade de Vila São Luiz, zona rural de Igarapé-Açu, o casal Aldemir Lima Alves e Maria Antônia Oliveira de Lima pelos crimes de trafico de drogas e associação para o tráfico.

Outras seis pessoas foram presas em outras ações policiais em Igarapé-Açu. Luizinho Pereira da Silva Filho, conhecido por Bebê, foi flagrado enquanto dirigia embriagado. Após ser abordado por policiais, ele ainda chegou a ameaçar de morte um policial militar, no memento em que foi preso por alcoolemia. Outro preso é Antonio Vemerson Rodrigues da Silva por crime de furto. Ele foi preso após arrombar as dependências de uma unidade de saúde e subtrair objetos de valor do local. Outro preso é José Marcos Oliveira da Silva que foi abordado dentro de uma Van com uma arma de fogo. Ele foi autuado pelo crime de porte ilegal de arma de fogo. Outros dois presos – Odair José Monteiro Teixeira e Cassio Vinicius Souza Silva – foram autuados pelos crimes de receptação e tráfico de drogas. Já Claudio Márcio Freitas da Costa vai responder por crime de furto qualificado.

Por: Walrimar Santos

  Categories: